15 abril 2010

Encontro com... Alexandre Honrado

No dia 20 de Abril de 2010, pelas 10:30horas, a nossa biblioteca terá a honra de receber a visita do escritor Alexandre Honrado. Para assistir e participar no encontro com o escritor foram convidadas quatro turmas do 5ºano, uma turma do 8º ano e alguns alunos de outras turmas diversas.
O encontro com o escritor assinala as celebrações do Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor, que se comemora a dia 23 de Abril.

Adivinham-se momentos bem passados, com um escritor dotado de uma imaginação ao mesmo tempo surpreendente e encantadora.


Alexandre Honrado nasceu em Lisboa, a 1 de Novembro de 1960. É diplomado em Comunicação e Licenciado em História. Ainda muito jovem começou a escrever e a publicar textos em jornais, guardando o "Diário Popular" como a mais forte referência. O seu livro de estreia, "Castelinhos no Ar", um pequeníssimo conto com preocupações ecológicas, resultou da participação num programa de rádio. As suas primeiras aventuras de escrito foram peças de teatro, levadas à cena nas escolas onde estudou. Tornou-se jornalista e mais tarde professor. Hoje é as duas coisas. Na RTP participou na preparação de diversos programas, entre os quais "Rua Sésamo", um dos que lhe deram mais prazer. Com mais de quatro dezenas de títulos publicados em Portugal e no estrangeiro (a partir de Espanha, onde é editado), Alexandre Honrado é hoje considerado um autor de referência entre os mais jovens. Embora a maior parte da sua escrita seja de ficção (também para adultos), é ainda autor de manuais escolares, filmes, programas de televisão (infantis, documentários, séries, etc.) e dezenas de letras para canções. Várias vezes premiado, o autor gosta de destacar a atribuição do Prémio de Literatura Infantil Comemorativo do 60º Aniversário da Maternidade Alfredo da Costa ao seu livro "História dentro de uma Garrafa" por ter sido exactamente essa a maternidade onde nasceu. Escreve para jovens e adultos, sendo considerado um autor de referência entre os mais novos. Entre as suas principais obras encontram-se "O Filho do Trovão", "O Vizinho Misterioso" (recebeu uma Menção Honrosa no Concurso Verbo/Semanário), "O Maior dos Mistérios", "Uma Chuvada na Careca", "História dentro de uma Garrafa", "Sentados no Silêncio", "O Amor contado aos Jovens... e aos Outros", "A Minha Vida não é Nada Disto", "Querem Roubar o Sol", "Alves dos Reis", "Os Venturosos" e "Histórias que Apanharam o Bicho".